Voltar para os artigos

Celebridades de quatro patas

2E06B37E00000578-3299749-image-a-20_1446437091298

Como nós, muitos artistas e famosos são loucos por animais. George Cloney, por exemplo, faz questão de adotar animais com poucas ou nenhuma chance de encontrar um lar. Seu Cocker-lata Einstein, idoso, maltratado e sem perspectivas, hoje é cercado de mordomias em uma vila na Itália, ao lado do artista, da esposa e de Millie, uma Basset Hound também resgatada. O artista, que buscava um cão “pronto”, com bons modos em casa, se apaixonou por Einstein ao ver um vídeo que narrava a recuperação do peludo após o resgate, mas não teve nenhum privilégio por ser famoso. A responsável pelo abrigo que havia acolhido o animal foi taxativa ao afirmar que Cloney só poderia adotá-lo se o cachorro simpatizasse com ele, que se valeu de um truque baixo (mas eficaz): esfregou almôndegas de peru nos sapatos no dia em que seria apresentado ao cachorro. Não sabemos se os sapatos ainda têm utilidade, mas Einstein se apaixonou à primeira cheirada. A dupla, agora inseparável, já protagonizou até uma campanha publicitária mundial de uma marca de relógios. No final do ano passado, Cloney adotou um peludinho deficiente, Nate, que vive hoje com os pais do astro.

Outra celebridade de coração aberto é Sandra Bullock, dona de três cães com necessidades especiais. A chihuahua Ruby não tem as patas da frente, Poppy, mestiço de chihuahua e lulu-da-pomerânia, só tem uma pata traseira, e outra chihuahua, Bebe, tem apenas um olho. A atriz brinca que animais com menos condições de adoção praticamente “batem à porta” da casa dela. Isso também acontece com Miley Cyrus, que vive com cães, gatos e até um porco, todos resgatados. Apaixonada por animais, a cantora lançou um disco em 2015 em homenagem aos seus melhores amigos já falecidos, como o peixe Pablow the Blowfish e o cão Floyd, morto por um coiote.

Foi para yorkshire Vida, sua grande companheira ao longo de 14 anos, que Gisele Bündchen dedicou sua autobiografia. Hoje a modelo se derrete pela cadelinha Fluffy, adotada em um abrigo em Los Angeles, com o Beagle Scooby e a Pitbull Lua.

Por aqui, muitos artistas também dividem sua vida com os peludinhos. Os globais Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso já perderam a conta de quantos animais resgataram e cuidaram até doarem. Às vezes, porém, o peludão arrebata o coração da dupla e não vai mais embora: é o caso de Favela, vira-lata encontrado perto do Projac, xodó de Bruno. Ao juntarem os pelos, ops, ao se casarem, Giovanna e Bruno buscaram um espaço para dar todas as regalias para os integrantes da família de quatro patas, que têm trânsito livre nas casas em São Paulo e no Rio de Janeiro, com direito à piscina e ar-condicionado. Esse também é o estilo de vida de Paolla Oliveira, que vive cercada por famosos: Angelina Jolie, Blanche Dubois, Marlon Brando etc.  Os seus 11 gatos, adotados e com nome e sobrenome, convivem harmoniosamente com o boxer Adjá. Ativista na proteção animal, Paolla protagoniza diversas campanhas de adoção, inclusive o calendário da SUIPA.

Se já éramos fãs dessas personalidades, tanta dedicação só nos faz admirá-los ainda mais.

Os seus ídolos também gostam de animais? Contem pra gente!

Deixe um comentário 1 comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.