Voltar para os artigos

Como acalmar um cachorro ansioso?

cachorro ansioso

Qual é o seu sonho de cachorro? Um amigo para qualquer hora que caminhe calmamente ao seu lado, que seja amável com companheiros da mesma espécie, que receba as visitas com um suave abanar de cauda e deite tranquilamente aos seus pés quando você quer ler um livro ou assistir sua série favorita? Cães com esse perfil existem, sim, mas por traz de tanta delicadeza existe um trabalho árduo – raros são os que nascem com a estrela do paz e amor. A grande maioria só chega ao patamar da perfeição na terceira idade, mas nesta fase da vida podem surgir outras questões, como o medo de barulhos, de ficar sozinho, etc.

É fato que um cachorro ansioso precisa ser acalmado, mas nem todo cachorro que precisa ser acalmado é ansioso. Ele pode estar desconfortável devido à alguma situação específica, que chamamos de gatilhos – daí a importância de observar sempre o comportamento do peludo para identificar exatamente o que acontece. Cães que têm medo de banho, por exemplo, podem manifestar desconforto salivando, com aumento na frequência cardíaca e das pupilas, etc. quando percebem que estão a caminho do petshop. Se o bichinho sofre com barulhos como os de trovões, pode se mostrar inquieto quando não há nenhuma nuvem no céu, pois já sentiu a mudança eletrostática, imperceptível para nós. Há, ainda, a turma que tem ansiedade de separação (falamos sobre isso aqui),que pode ser ajudada com programas de dessensibilização e até medicamentos, em casos mais severos.

Mas como baixar a bola de cães agitados por natureza?

1.  A primeira dica é exercitá-lo muito. Caminhe, brinque, leve o bichão ao parque para que ele gaste energia e se socialize com outros peludos. Se o seu condicionamento físico ainda não é condizente com o do animal, invista em uma mochila para o cachorro. Um pouquinho de peso aumenta o esforço e ele ainda se sente importante por ter uma tarefa, a de carregar coisas.

2. O cansaço físico, no entanto, nem sempre é suficiente para aqueles ligados no 220V – eles precisam cansar a mente. O treinamento de obediência ajuda bastante, pois exige que o cachorro se concentre, e brincadeiras como caça ao tesouro e esconde-esconde divertem e drenam o excesso de energia. Observe, no entanto, como o bicho reage: alguns animais ficam tão excitados que o feitiço vira contra o feiticeiro!

3. Ossos e brinquedos recheáveis também são excelentes opções para entreter e cansar a cabeça do ligadão.

4. O contato físico e a massagem também fazem milagres, desde que você esteja calmo. Nossos amigões de quatro patas são extremamente sensíveis e podem ficar ainda mais agitados se você também estiver nervoso. Coloque uma música relaxante e escove seu animal. Não tenha pressa e converse carinhosamente com ele. Quando ele se tranquilizar, comece a massageá-lo. Florais também atuam no emocional do bicho.

5. Feromônios sintéticos, que reproduzem o hormônio exalado pelas cadelas que estão amamentando, dão sensação de tranquilidade e bem-estar.

6. Suplementos alimentares à base de tripofano estimulam a produção de serotonina e também ajudam a acalmar o animal.

Não desista do seu cão, por mais agitado que ele seja. A solução pode não ser fácil, mas com dedicação e perseverança você pode ajudá-lo a ser mais equilibrado.

Cláudia Pizzolatto e Regina Ramoska

Leia também:

Me aperta que eu gosto
Como melhorar o comportamento de um cão destruidor
O que o seu cachorro precisa para ser feliz

 


Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of

wpDiscuz