Voltar para os artigos

Raças > Poodle

Standard-Poodle-standard-poodle-35917207-800-640

História e Características Gerais da Raça

Umas das raças mais queridas e apreciadas em todo o mundo como companhia, sua origem é ainda ponto de controvérsia. Enquanto é aceita como uma raça Francesa, muitos concordam que o verdadeiro país de origem seria a Alemanha, onde é chamado de “Pudel”, que por sua vez vem da palavra “pudelin” que significa jogar-se na água.

Na França são chamados de “Chien Canne” ou “Caniche” ambos os nomes derivados da palavra “canard”, que significa pato (os Poodles teriam sido introduzidos na França por tropas alemãs). A França é aceita por muitos como país de origem da raça por ter sido lá que o Poodle desenvolveu as característica conhecidas e aceitas atualmente.
Em ambos os países no entanto, o Poodle denuncia no nome o verdadeiro propósito do desenvolvimento deste cachorro de personalidade e inteligência única: A caça de patos e sua incrível habilidade de buscá-los na água.

Atualmente poucos países ainda se utilizam dos Poodles para caçar, tornando-se cães de família por sua inteligência, afetuosidade, alegria, espírito brincalhão e prazer na companhia dos seres humanos.

Uma outra forma de aproveitar o faro apurado destes cães, além da delicadeza com que andam, e que muitas pessoas não conhecem é o uso de Poodles na localização e escavação de trufas, aqueles cogumelos muito apreciados nas cozinhas européias e muito raros e caros.

Desenvolvido originalmente apenas no tamanho “standard”, hoje o Poodle também é criado nos tamanhos Miniatura e Toy. Na verdade já é possível encontrá-los numa versão “micro”.

A forma de se cortar o pelo dos Poodles também tem origem no uso da raça em caçadas. O corte conhecido como “leão” (retirada do pelo dos quadris, deixando pelo farto em volta dos peito e dos joelhos) foi criado para aliar proteção, versatilidade na água, beleza e equilíbrio.

Aliás, uma das característica destes cachorros é que apesar do pelo crescer num ritmo muito superior aos das outras raças, o do Poodle não cai e por isso mesmo é ideal para quem gosta de cachorros mas tem alergia a pelos. Mas não se engane! O Poodle requer uma série de cuidados com sua bela cabeleira! Escovação diária para evitar nós, banhos e tosa regulares, feitos por profissionais e um cuidado extra para não deixar o pelo molhado para evitar o aparecimento de fungos e outros problemas de pele são necessários.

Tamanho:
Poodle Standard: 38 cm ou mais no ponto mais alto dos ombros, com peso médio de 22 quilos.
Poodle Miniatura: entre 25.4 cm e 38cm, peso médio de 12 quilos.
Poodle Toy: menos de 25.4 cm, peso médio de 7 quilos.

Aparência:
Balanceado, corpo “quadrado”; movimentos suaves e cheios de vida.

Pelagem e Cor: Pêlo cheio, encaracolado ou encordoado, tosado nos modelos Filhote, Inglês, Continental ou Esporte. As cores são muito variadas e belas. Existem Poodles pretos, brancos, marrons, azuis, cinzas, abricós, champanhes e prateados entre outros. Existem também Poodles bicolores (principalmente branco e preto),mas este tipo de coloração não é aceita em shows.

Cabeça:
Suavemente redonda com focinho longo e reto; olhos ovais, escuros e afastados; orelhas longas e largas.

Cauda:
Curta, reta, carregada alta e ereta.

 

download (1)

Perfil da Raça

Embora sejam praticamente idênticos na aparência (exceto é claro pelo tamanho),Os Poodles Toy, Médio e Standard têm temperamento bastante diferente entre si. Quanto maior o Poodle, mais calmo, obediente, fácil de treinar brincalhão ele será. Quanto menor, mais ativo, mais “barulhento”, e com tendência a morder crianças. O Poodle Toy (o menor e mais popular entre os tamanhos) é extremamente inteligente, sensível, amoroso com o dono, brincalhão, ágil, com um imenso poder de retenção de comandos e palavras. É curioso e alerta.

Tantas qualidades fazem do Poodle Toy um cachorro ideal para pessoas idosas e pessoas com crianças. Mas cuidado, tantas qualidades também podem se tornar um defeito. Com tendência de ser mimado pela família, estes cãeszinhos podem e freqüentemente se tornam exigentes, autoritários, manipuladores e super protetores de seus donos, ou de um membro especial da família. Não é raro encontrar casos de agressividade e comportamentos indesejados, como por exemplo dominância, proteção de objetos, território e pessoas. Socialização com pessoas estranhas e outros animais, além de treinamento básico de obediência são muito importantes para manter estes queridos bichinhos felizes e ajustados. Nos casos de agressividade, o melhor é pedir ajuda de um profissional. Poodles nunca deveriam ser deixados sozinhos por longos períodos de tempo, pois são muito apegados e orientados para a convivência com humanos. Se deixados sós por muito tempo podem desenvolver uma série de comportamentos neuróticos. O Poodle Toy é bastante alerta, algumas vezes chegando a ser nervoso e costuma avisar, latindo, qualquer movimento ou pessoas estranhas se aproximando.

No livro The Intelligence of Dogs de Stanley Coren o Poodle ocupa a 2ª posição entre as raças mais inteligentes. Ainda segundo o autor, isto significa que eles estão entre as raças mais brilhantes em termos de obediência e também na execução de tarefas de trabalho. A maioria dos cães destas raças já demonstram sinais de compreensão de comandos simples após apenas 5 repetições e não precisam de muita prática para manter estes comandos. Quando os donos pedem para eles executarem alguma tarefa, eles obedecem logo da primeira vez em cerca de 95% dos casos, e além disso eles costumam responder a estes comandos apenas alguns segundos depois de solicitado, mesmo que o dono esteja longe fisicamente.

Obs.: O gráfico acima é o resultado de um estudo realizado por Benjamin L. Hart e Lynette A. Hart, veterinários e Phd’s em comportamento animal, que entrevistaram dezenas de veterinários, treinadores e juizes de competições de obediência nos EUA.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of

wpDiscuz