Voltar para os artigos

Um cachorro precisa caçar a sua comida

Busy Buddy

Brinquedo para cachorros ansiosos e hiperativos
Importado com exclusividade pela BitCão

 

Nós humanos aprendemos desde pequenos a “não brincar com a comida”, mas será que esta é a melhor sugestão para os cães?

Cachorros possuem uma herança genética que os prepara para passar várias horas do dia em busca de comida. No mundo não protegido pelos humanos, muitas vezes nem basta “achá-la” , é preciso lutar por ela, caçá-la, e gastar muita energia neste processo. Aliás, é justamente este grande gasto de energia que ajuda a manter os peludos mais calmos, cansados e satisfeitos durante as horas em que não há muito o que fazer, sem falar na parte física que ajuda a combater a obesidade.

Mas, como podemos ajudar nossos caninos a manter parte desta rotina saudável, sem que ele tenha que caçar o gato do vizinho, ou, por falta melhor do que fazer, passar longas horas roendo nossos moveis, sapatos, carros, controles remotos, celulares, batentes de porta, latindo, cavando, uivando, pulando nas pessoas, infernizando??????

A dica é colocar este malandro para trabalhar por algo que é importante para ele, sempre que for possível, sem causar estresse, ansiedade, ou frustração no bicho. Assim, ele usa mente e corpo para se ocupar de uma tarefa útil e, de preferência, que termine com uma ótima recompensa.

Existem alguns brinquedos que focam, especialmente, no fator comida como recompensa. Aqui apresentamos o Tug-a-Jug e o Kibble Nibble, que oferecem uma tarefa que estimula os 5 sentidos do seu cão e vai deixá-lo muito ocupado por vários minutos seguidos.

 

 

cães que comem muito rápido precisam deste brinquedo

Tug-a-Jug é um brinquedo que traz texturas rijas – como seu corpo que é feito de um plástico especial,uma maleável – como o gargalo de borracha com pontinhas massageadoras, e uma totalmente flexível – como a corda de algodão que fica parte dentro e parte fora da garrafa.

Kibble Nibble tem um formato parecido com um ovo que faz com que ele tenha movimentos irregulares e as duas aberturas, uma em cada extremidade, liberam os grãos de ração ou petiscos aos poucos. Para evitar que o brinquedo estrague móveis e paredes quando o peludo rola ele pela casa, o fabricante colocou uma “grade” protetora de borracha em toda a sua volta.

 

 

 PONTOS DE DESTAQUE:

• Usa os 5 sentidos do cachorro:
– a VISÃO: que é estimulada pelo fato da garrafa ser transparente, então o bichão pode ver as gostosuras dentro dela.
– o FARO: pois além do cheirinho de petiscos ou ração sair pelo gargalo da garrafa, o fundo da Tug-a-Jug possui vários furinhos que deixam o aroma passar facilmente. O Kibble Nibble também deixa o perfume da comida atiçar o focinho do seu peludo da maneira mais agradável possível.
– a AUDIÇÃO: que deixa o cachorro muito mais ligado no brinquedo quando ele ouve o som especial de chocalho dos pedacinhos comestíveis rolando pra lá e pra cá.
– o TATO: o peludo vai adorar sentir as diferentes texturas do Tug-a-Jug e do Kibble Nibble enquanto ele tenta abocanhar os petiscos, além de usar bastante as patas para girar, rodar e segurar o brinquedo.
– o PALADAR: ah o paladar!!!! Basta você colocar uma variedade de pedacinhos de gostosuras caninas dentro do Caça Comida, ou mesmo os grãos de ração para tudo virar uma festa.
• Estimula a mente, já que seu cão vai ficar tentando descobrir qual é a melhor maneira de conseguir a comidinha: Virar o Tug-a-Jug de cabeça para baixo? Segurar bem firme com a patas e tentar caçar uns grãozinhos com a língua? Rolando o Tug-a-Jug pelo chão? Sacudindo e batendo com a pata? Puxando pela corda??? Da mesma forma, o Kibble Nibble cria desafios com a sua forma irregular de liberar os grãos de ração, e nem sempre é um simples girar que vai fazer o trabalho ficar fácil.
• Estimula o corpo: basta dar uma olhadinha nos filmes sobre o Busy Buddy na internet para ver como os bichos dão duro e se divertem enquanto trabalham para conseguir suas recompensas.
• A boca do Tug-a-Jug tem uma borracha especial que previne o peludo de machucar a gengiva e os dentes na parte mais vulnerável da garrafa. O Kibble Nibble tem uma proteção de borracha a sua volta que além de poupar móveis e paredes de encontrões mais duros, ajuda o peludo a segurar e transportar o brinquedo para algum lugar que ele queira ficar.
• A corda do Tug-a-Jug pode ser substituída facilmente.
• O sistema de rosca para abrir os brinquedos facilita muito na hora de colocar os petiscos e na hora da limpeza.

 

especial para todas as raças de cachorro

  • Capacidade para colocar uma grande porção de ração, assim você pode colocar toda uma refeição, ou vários petiscos para a brincadeira durar muito tempo.
• É muito resistente.
• O Tug-a-Jug e o Kibble Nibble são feitos de um plástico atóxico, e é o mesmo usado em vidros a prova de balas.
• Pode usar petiscos variados.
• Demora mais tempo para conseguir os petiscos e o cão fica envolvido na atividade por mais tempo.
• Divertido para o cão e para você também.

 

 

 PONTOS DE ATENÇÃO REDOBRADA:

• Fique atento se o seu cão não segura o Tug-a-Jug pela cordinha e ficar rodando ou sacudindo-a violentamente. Neste caso há risco do cachorro se machucar, de alguém levar uma garrafada na canela, ou daquele vaso tão querido acabar em cacos.
• Esteja ciente também que o Tug-a-Jug e o Kibble Nibble são feitos de um plástico bem duro, e, muito provavelmente, irá fazer barulho e perturbar o vizinho de baixo quando o cão estiver brincando. Melhor brincar no quintal da casa ou em cima de um grande tapete.

 

DICAS DE TREINAMENTO

  » Se este se tornar o brinquedo predileto do seu cão, use-o, principalmente, nas horas especiais em que precisar deixar o bicho distraído.

 » Evite deixar o Tug-a-Jug ou o Kibble Nibble sempre solto pelo chão, principalmente se estiver vazio.

 » Se o seu cão é daqueles que chora e implora comida, experimente usar o Tug-a-Jug ou o Kibble Nibble na hora que sua família se sentar a mesa.

 » Use o Tug-a-Jug com petiscos saborosos quando as visitas chegarem para evitar que seu cão pule ou fique perturbando as pessoas.

 » Se o seu peludo não come, mas “engole” a comida toda em poucas bocadas, passe a alimentá-lo usando o Kibble Nibble, ou mesmo o Tug-a-Jug .

 » Varie o nível de dificuldade da brincadeira dependendo do animo e da malandragem do seu cão:

– Pedaços menores de ração ou petiscos são mais fáceis de retirar; pedaços maiores são mais difíceis

– Deixar o cheio de ração facilita o cachorro a ser recompensado; o Tug-a-Jug mais vazio significa mais o trabalho;

– Retire a cordinha para facilitar as coisas;

– Coloque algumas bolinhas (ping pong, golf, ou bolinha mininatura de tenis) dentro do Tug-a-Jug ou do Kibble Nibble, junto com os petiscos, para a brincadeira ficar realmente atraente para os experts. As bolas vão se mover para frente e para trás, eventualmente obstruindo a saída dos petiscos, e dando um coisinha extra para o seu peludo solucionar.

 » Se o cachorro roer a corda você pode substituí-la facilmente por um osso de corda, ou mesmo deixar sem a corda e passar a usar pedaços maiores de biscoito.

 » O Tug-a-Jug é mais indicado para cachorros mais persistentes e obstinados. O Kibble Nibble é mais indicado para cães que desistem de perseguir a comida se o desafio for muito grande.

 » Observe seu cão brincando. Além de ser muito divertido é importante interagir com o peludo, e mais seguro se observarmos o comportamento inicial do cão com um brinquedo novo.

 » Se for colocar petiscos, ao invés da porção de ração, não esqueça de compensar na hora da comida para evitar obesesidade.

 » Remova qualquer brinquedo que esteja soltando pedaços, partes, ou que apresente pontas perigosas.

Copyright Cláudia Pizzolatto – 2010 – Todos os direitos reservados.
Este artigo tem seus direitos autorais protegidos por lei.
É permitida a sua reprodução sem alterações
desde que sejam colocados o nome da autora
e o link para a webpage da BitCão.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of

wpDiscuz